segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Assado no Banho



O meu filho no banho:

 A água está tão quente! Ainda fico um frango assado... ou um miúdo assado...



quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Tema Viagens: Quadro com Aviãozinho de Papel

Como devem ter percebido, não fiquei muito satisfeita com um dos quadros da composição que fiz para o quarto do meu filho...

Sempre dentro do tema Viagens, criei um outro quadro, a partir de uma moldura Ikea que me tinha sobrado de um trio. As outras duas podem ser vistas no post dos quadrinhos com silhueta.


É uma montagem a 3 dimensões, muito simples de fazer, e que eu penso que resulta muito bem no quarto de um menino.

Imprimi um mapa com a dimensão da moldura.
Depois, pesquisei por aviõezinhos de papel. Inicialmente pensei em fazer um daqueles bem simples, que todos aprendemos a fazer em pequenos.
Mas depois, vi este num vídeo do Youtube, e achei-o muito engraçado para a minha ideia.


Fixei o aviãozinho com dois pingos de cola.

Usei um pedacinho de velcro nos dois extremos da moldura. A moldura pesa poucos gramas, de modo que esta quantidade é suficiente.


E aqui está ele, junto com os outros.
Agora, as molduras têm um elo em comum: são todas brancas.
Muito obrigada pelas variadas sugestões que me deixaram na caixa de comentários. Acho que sem elas ainda não tinha chegado a resultado nenhum :)

Com esta nova cabeceira, espero que o meu filho sonhe muito...




Ah, e este é o vídeo onde podem encontrar as instruções para fazer um aviãozinho destes.



O nosso não ficou tão desportivo... é mais de voos comerciais.


terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Diferentes Utilidades de um Porta-Revistas

Quem diria que um objecto tão óbvio, como um porta-revistas, poderia ter utilidades tão diferentes e tão criativas?
Elaborei uma compilação que mostra ideias inovadoras de alguém que pensou outside the box e criou diferentes usos para este objecto tão banal.


E que tal esta ideia para a  próxima festinha de aniversário aí em casa? 
Uma estação self-service de gomas, feito com porta-revistas!



Uma mesinha de canto, útil para para pousar as chaves e o correio.



Um dispensador de enlatados para a despensa.



Um organizador de correio, ou simplesmente uma prateleira para livros.



Para último, deixei esta ideia que me surpreendeu pela sua simplicidade/utilidade.
Um porta-revistas fixo no lado interior de um armário, para guardar o secador de cabelo. 
Genial!



segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Desafio - Mais um bocadinho sobre Mim


Recebi este desafio 3 vezes (a última a enviar-me foi a Sónia)..., e como à terceira é que de vez, respondo e desvendo mais um bocadinho da gerente deste estaminé :)



1- Nome da minha música preferida: Ui. Deve ser a pergunta mais difícil que me podem fazer. (Basta ver a playlist do blog, insanamente variada). 
De todos os tempos, talvez a minha preferida seja esta:  OMD Souvenir. Faz-me voltar a ser pequenina e a ver-me no banco de trás do Renault Super 5 da minha mãe.
Mas de momento adoro ouvir esta: Read my Mind, The Killers

2 - Nome da minha sobremesa preferida: Gosto de arroz doce acabado de fazer.

3 - O que me tira do sério? Esta é mais fácil: Pessoas sem palavra, sem pontualidade, sem carácter, sem honestidade.

4 - Quando estou chateada? Quando estou chateada, os meus filhos fazem-me uma coisa engraçadíssima inventada por eles. É uma frase cantada de certa maneira (faz-me lembrar os cantares à minhota). É impossível não sorrir. Qualquer dia gravo :)

5- Animal de estimação favorito: Cães. Ah, e suricatas também! Fazem-me rir quando tentam estar alertas e quase caem para o lado com sono.

6- Preto ou Branco? Depende. Para vestir, um bocadinho de cada. Em casa, cada vez mais o branco.

7- Maior medo? Eu transformo este medo numa esperança. Esperança que os meus filhos ao crescer, se tornem indivíduos autónomos, e que sejam motivados e talentosos naquilo que fizerem. 
Sejam pasteleiros ou chefes de estado.

8- Atitude quotidiana: Viver de forma cada vez mais simples. E agradecer as coisas boas que tenho.

9- O que é perfeito? Ver os meus filhos dormir serenos.

10- Culpa? Não guardo muitas. Mas devia gritar menos.


7 Factos aleatórios sobre mim

Não sou esquisita em termos culinários. Alinho em todo o tipo de pratos, gosto de tudo. Se fosse numa viagem à Ásia, a melhor parte seria provar aqueles petiscos todos!

Comecei a viver sozinha e a sustentar-me aos 18 anos.

Desde a minha adolescência que mantenho o mesmo peso: 50 Kg. 

Só de há uns anos para cá é que descobri o meu gosto por decoração e renovação. Dantes não ligava nada á casa.

Sou muito preguiçosa para me levantar de manhã, porque gosto de dormir muitas horas. Mas curiosamente, a minha parte preferida do dia são as manhãs.

Gosto de comer as bolachas e gomas dos miúdos às escondidas.

Quem olha para mim costuma dizer que vê uma rapariga serena, de postura estóica. Se me vissem a passar da cabeça quando algo não está bem, mudavam logo de opinião. No entanto, sou sensível e magoo-me facilmente. 


Reparei que (quase) todos os blogs que sigo, já responderam ou foram mencionados para isso. 
Quem desejar pode copiar as perguntas e responder no seu blog :)

E obrigada a todas as que me enviaram o desafio ;)




sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Ideia para Decorar Quarto de Adolescente - Chapas de Matrícula


Eis as peças que completaram a decoração no quarto do meu filho: chapas de matrícula americanas.


Porquê americanas? Porque são coloridas, coleccionáveis e porque trazem uma parte da cultura norte-americana que eu acho divertida e original para um quarto de rapaz.

Ao pesquisar no eBay, tive o cuidado de escolher em função das cores e dos preços. Tive também a atenção de ver se eram originais e usadas, pois já que vou comprar um artigo destes, quero um á séria! E se o meu filho (ou eu), algum dia decidir fazer uma colecção, este já é um bom princípio.

Depois de alguma pesquisa, escolhi uma matrícula da Florida, pelas suas cores.

Já a chapa do Minnesota, foi escolhida pelos dígitos: quais eram as probabilidades de eu encontrar uma chapa que diz «MAE» e que tem a idade que eu faço em Julho?
Assim, o meu filho vai lembrar-se sempre que a sua primeira chapa de colecção, foi oferecida pela mãe, no ano em que ela fez 32 anos, e que o próprio selo indica o mês certo: Julho.


Quando recebi as chapas, comecei logo a ensaiar como as colocaria na parede, em conjunto com as outras molduras que já mostrei esta semana.


Para não fazer mais furos na parede, usei uns discos auto-adesivos de velcro. Assim também é mais fácil quando lhes limpo o pó: estão firmes e não riscam a parede.


Depois de tudo pronto, o resultado foi este:







Quando o meu filho chegou da escola disse:
Ó mãe, porque é que tiraste o quadro do ursi... Uau!

Está aprovado, portanto.

Já a minha filha, não gostou do quadrinho prateado com as imagens dos stickers de bagagem. Eu confesso que também me incomoda um pouco, não era bem aquilo que eu queria. Quando me lembrar de uma alternativa melhor, mudo.

O quadrinho prateado foi alterado. Veja o post actualizado aqui.

Se ficou com o «bichinho» destes coleccionáveis, tenha em atenção alguns pontos:

*Verifique se são originais e se tiveram uso. O carisma destes artigos vem das pequenas amolgadelas e riscos inerentes a um objecto que já rolou muitos quilómetros!

*Repare também se estão completas, e têm os autocolantes de validação com o mês e ano atribuídos pela DMV.

*Os diferentes estados têm uma vasta gama de grafismos. Estes grafismos variam consoante os anos, e os mais raros ou mais procurados tendem a ser mais caros.

*Normalmente têm a medida de 300 mm x 150 mm.

*Nos Estados Unidos, é possível personalizar a matrícula a gosto pessoal. Também é possível encomendar uma chapa no eBay, com um nome á escolha. São réplicas, e podem ser em alumínio ou plástico.
Pode ser uma boa ideia para a garagem ou para um quarto de rapaz ;)





quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Ideia Decorativa - Quadro Personalizado com Mapa


Em continuação do post anterior, vou mostrar mais duas peças da composição decorativa para o quarto do meu filho.

Como já tinha dito, há um tema a unir estes objectos: Viagens.
Uma das ideias que eu tive, foi usar um mapa , e recortá-lo criando a inicial do nome do meu filho, assim como a sua data de nascimento.

Como não tinha nenhum mapa em casa que pudesse descartar, imprimi um á minha escolha. Há mapas de muitas cores e épocas. Eu escolhi um mapa mundo bastante colorido, para combinar com os outros tons da composição.

Desenhei a letra "e" à mão livre, para ser especial e ter o toque da mãe. A data foi criada no computador.
Copiei os desenhos para papel vegetal (daquele mesmo para bolos), e passei-os para as costas da folha do mapa, tendo o cuidado de deixar tudo em negativo, para ficar certo no verso.


Recortei tudo com muito cuidado (os números foram mais complicados, dá jeito um estilete, que eu não tenho...), e ensaiei sobre uma folha branca, pois eu queria um contraste simples.
Colei e emoldurei, muito fácil.



No fundo, os dígitos assemelham-se a coordenadas, penso que o tema resultou bastante coeso.

Peguei também numa outra moldura, que pintei de prateado, e que levou uma camada de verniz para extra brilho.
Desta vez, lembrei-me daqueles autocolantes que se colavam nas bagagens antigamente.
Lembranças de países, variadas e coloridas, que eu achei que iam dar vida e cor ao conjunto. Gostaria de ter alguns autocolantes originais (isso é que era!), mas sai mais económico imprimir algumas imagens giras da web...



A composição está quase completa! Falta incluir os objectos surpresa: as peças inesperadas que vão interligar todo o resto de forma muito decorativa e interessante (e económica) para um quarto de rapaz.


E vieram de tão longe...


segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Decoração para Quarto de Menino - Tema: Viagens I


O meu filho já não é um menino pequeno, e eu já não gostava de ver bonequinhos na roupa de cama, nos quadros ou no cabide de parede.

Fiz algumas alterações no seu quarto, para que se adequasse mais à sua faixa etária, e mostrei-as quando emoldurei alguns dos seus trabalhos «artísticos», e quando renovei os têxteis em geral: cortinados, tapete, roupa de cama, assento da cadeira.

Na parede da cama, ainda havia um resquício do meu bebé: um quadro grande com tons suaves do Pooh, que eu gostava de retirar, mas ainda não sabia o que fazer com aquela parede.
Um dia destes, tive uma ideia luminosa (daquelas que nos passam de repente pela mente, e até dizemos A-ha!).
Comecei logo a pensar numa composição com um tema: Viagens.
Reuni algumas molduras que tinha pintado de branco há uns tempos, e comecei a dispô-las no chão. Outras peças se juntaram depois ao conjunto, mas só revelarei no final (é surpresa!).


«Brinquei» um bocadinho com as molduras e mais alguns tecidos, e pensei em pedir uns carrinhos ao meu filho (ele não lhes liga nem brinca com eles).


Forrei o painel traseiro da moldura com um tecido ás riscas (o mesmo do painel da cama).
Depois, colei os dois carrinhos que escolhi, com cola quente.

E já está. Em poucos minutos reciclei uma moldura e criei uma peça diferente e única para o quarto do meu filho.






Ao longo da semana vou mostrando as outras montagens que fiz.


Continua...


quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Como Enxovalhar a Mãe em Público 1.0



Estes seres maravilhosos que estoicamente damos á luz, são os mesmos que brilhantemente nos fazem passar as piores vergonhas e embaraços da nossa vida.

Histórias dessas, todas as mães têm para contar, porque estas criaturinhas nunca cessam de nos surpreender nem esgotam o repertório.

Uma vez no supermercado:

Diana (em voz alta): Ó mãe, aquela senhora é tão gorda!!
Eu (avançando coradíssima): Sim filha, mas isso não se diz...
Diana (enterrando-me ainda mais): Ó mãe, mas ela é...!

Numa outra vez, numa loja, foi a vez do meu filho. Estes miúdos têm cá uns requintes de tamanha malvadez, que nos enxovalham mesmo sem abrirem a boca.
Antes de saírmos de casa, disse ao meu filho que ele podia vestir os mesmos jeans do dia anterior.
Despachámo-nos num instante e saímos.
Quando andávamos na loja, vejo que está a aparecer algo no fundo das calças do miúdo, e já arrasta pelo chão. Fiquei petrificada: eram as cuecas do dia anterior, que o magano deixou dentro das calças!

O software já vem de origem: Como Enxovalhar a Mãe em Público 1.0. 
E as actualizações são automáticas.


Não se deixe enganar por estas carinhas angelicais! Um destes dois filhos da... minha alma (na altura com 2/3 anos) preparou a coisa mais vil que o meu ser já experienciou.

Era noite, ia-me deitar.
Fui á casa de banho para lavar os dentes, e quando pego na escova, reparo que tem um líquido azul. Naquele instante, não dei muita importância ao assunto: passei a escova por água e quando me preparava para pôr o dentífrico, reparo que a tampa da sanita está levantada, e que por dentro tinha daquele gel sanitário...azul.
Ainda hoje estou para saber qual das minhas adoráveis descendências usou a minha escova dos dentes como piaçaba.

Os seus filhos/sobrinhos/netos já lhe ofereceram um pacote de experiências semelhante? Desabafe nos comentários!


© Hello You . All rights reserved.
Blogger templates by pipdig