segunda-feira, 30 de abril de 2012

Falar Sozinha

A minha filha entra na sala e pergunta-me:

Estavas a falar com quem?
Eu: Estava a falar sozinha.
Ela: Ah... E voltou as costas numa atitude perfeitamente descontraída.

Parecia uma daquelas tiras de bd.
Não sei se o mais estranho foi eu admitir normalmente que estava a falar sozinha, se o facto de ela já estar habituada!




quinta-feira, 26 de abril de 2012

O Quarto da nossa Filha - 14 Ideias Decorativas



Depois do post da cabeceira de cama que fizemos para o quarto da nossa filha, recebemos alguns e mails a perguntar sobre esta ou aquela almofada, os quadros, e se o candeeiro que aparecia tinha sido feito por mim.

Pois bem, quase tudo foi feito por mim, sim.
Regularmente, renovo alguns objectos fazendo-lhes alterações. Alguns leitores mais recentes poderão não ter tido a oportunidade de os ver.

Mostro um resumo de algumas peças que criei para o quarto da Diana e indico o link do respectivo projecto. 
São 14 ideias reunidas num só post.
































segunda-feira, 23 de abril de 2012

Adeus Fifi


A nossa pequena Fifi deixou-nos.


Obrigada pela tua meiguice e paciência com os miúdos (tu gostavas mesmo deles).

Não vais vê-los crescer, mas eles nunca te esquecerão.

Com saudades, a tua família.
1997-2012



terça-feira, 17 de abril de 2012

Cabeceira de Cama Forrada a Tecido :: Upholstered Headboard



Com materiais baratos, podemos fazer uma cabeceira de cama totalmente personalizada.
Esta peça que fizemos para embelezar a cama da nossa filha ficou por menos de 15€.

Os materiais utilizados:

* 1 placa de mdf
* Material de enchimento (dracalon)
* Tecido á escolha
* Ganchos de suporte (2 unid.)
* Agrafador de estofador


Primeiro é necessário escolher um formato e uma medida que se adeque ás dimensões e estilo da cama.
Não existe uma fórmula única para calcular a largura, mas eu prefiro visualmente uma cabeceira com a largura máxima da cama.

Fizemos o esboço numa metade da placa e depois, com a ajuda de papel vegetal para bolos (por ter uma folha extra longa), transferimo-lo para a outra metade. Assim temos a certeza que o desenho está perfeitamente simétrico.


Com serra tico-tico foram feitos os recortes.



Usámos duas camadas de enchimento, mas apenas uma delas contorna as peças. A primeira camada é colada ao mdf e aparada em volta.




A seguir vem a parte mais morosa do trabalho: forrar com o tecido. O tecido que escolhi não é dos mais apropriados para este tipo de trabalho, pois é bastante fino. É preciso ter o cuidado de deixar o tecido direito e com a tensão certa: nem demasiado esticado nem demasiado folgado.


Confesso que o formato que escolhi para esta cabeceira de cama foi um tanto ambicioso, devido á dificuldade de forrar as curvas interiores do painel mais estreito, e á escassez de tecido (foi mesmo á conta, e mesmo assim tive de improvisar umas uniões).
A minha ideia inicial era aplicar tachas prateadas em toda a linha da cabeceira. Por antever um trabalho muito moroso (e algo dispendioso), optámos por esta ideia de separar a cabeceira em duas partes criando este efeito que eu considero bastante bonito também.

A cama da minha filha não tem um formato muito convencional: a cabeceira faz uma espécie de prateleira e tem uma tampa onde permite guardar coisas. Arrisquei criar esta peça, pois não sabia muito bem se ela se conjugaria harmoniosamente. Mas se não tentarmos nunca saberemos!

Depois de unidas as duas partes e de serem colocados os ganchinhos de suporte, pendurámos a cabeceira e é este o resultado:











terça-feira, 10 de abril de 2012

Camisola transformada em Bolsa



Este é um projecto que eu desejava concretizar há vários meses. Percebi que ia ser trabalhoso... e estive quase para desistir. No fim, acho que valeu a pena o esforço.

Olhando para uma camisola que já não usava, imaginei uma bonita bolsa com fecho porta-moedas, para usar na mão ou a tiracolo.
Quando vou apenas buscar os miúdos, não gosto de andar com grandes malas como de costume, mas preciso de qualquer coisa para levar os imprescindíveis: chaves, carteira dos documentos do carro, telemóvel (nunca se sabe o que pode acontecer), e um pacotinho de lenços.

Comprei o fecho numa loja de artigos para fazer bijutaria. O forro foi feito com um tecido que já tinha cá em casa e que já serviu para variadíssimos projectos no quarto do meu filho como o cabide, a cabeceira da cama, ou o quadro dos carrinhos.

A fita fará parte de um adorno amovível.


Tracei com uma caneta de feltro, e a olho, o molde que eu queria para a bolsa.


Com o ponto ziguezague, cosi á máquina por cima dos traços da caneta. Fi-lo duas vezes, para ficar bem rematado, uma vez que a malha era muito grossa e desfiava-se imenso.



Cortei por fora do remate. Fiz o mesmo para as costas da camisola.


Para me facilitar a colocação do fecho, cosi o forro em toda a parte superior da bolsa. Também fiz um bolso interior simples para o telemóvel.


Colocar o fecho é a parte mais complicada. Deve-se aplicar um fio de cola em todo o interior e depois enfiar o tecido com a ajuda de um utensílio. Depois aperta-se em toda a volta com um alicate envolvido em tecido para fixar tudo muito bem (obrigada pelas dicas Inês!).
Fiz uma parte de cada vez, para não estragar o que já tinha feito.


Coloquei a outra metade do fecho, rematei as partes laterais e ficou pronta.

Para dar uma graça, fixei um laço a um alfinete de peito e coloquei-o á frente. Posso retirá-lo ou trocar por outro enfeite sempre que me apetecer.







Ficou prática e alegra-me em dias cinzentos. E o melhor? Ficou tal e qual eu a imaginei.
Vale a pena reciclar objectos que já não utilizamos.



quinta-feira, 5 de abril de 2012

Páscoa - Ideias Criativas


Para quem gosta de adicionar um toque especial de Páscoa ao seu lar, mostro algumas ideias criativas e coloridas para se inspirar.

Papernstitch


Bhg.com

Our Best Bites

Phoenix New Times

Crafty Endeavor

Bhg.com

Desejos de uma Páscoa Doce e Feliz


© Hello You . All rights reserved.
Blogger templates by pipdig