segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Retirar Pastilha Elástica do Cabelo

Como mãe de uma menina, ainda não me havia deparado com este desafio: retirar pastilha elástica do cabelo.

Tinha-lhe cortado o cabelo curtinho pelos ombros como ela gosta fazia apenas uns dias, quando num momento de brincadeira e distração, a pastilha salta da boca e prende-se no cabelo.
A minha filha ainda tentou retirá-la para não me arreliar, mas só piorou a situação. Veio ter comigo neste estado:


Que nhéca. Comecei a suar. O desastre era mesmo à frente, e o cabelo tinha sido cortado há tão pouco tempo que levar agora uma tesourada... não sei qual de nós estava mais aflita!

Ok, eu sabia do truque de retirar pastilha elástica do cabelo com ajuda de óleo ou azeite, mas se por um lado nunca tinha experimentado, por outro tive poucas esperanças que este truque realmente removesse uma chiclete tão miseravelmente imiscuída como aquela.

Usei óleo Johnson's para untar bem a calamidade e comecei a ripar a pastilha para baixo com a ajuda de um pente de plástico.
O que eu sei é que em menos de dois minutos consegui remover totalmente aquela Gorila do cabelo da minha filha.


Lembro de me acontecer o mesmo em pequena, mas o desfecho foi diferente: a minha mãe cortou-me mesmo o cabelo... Fica a dica.

Mãe-1, Pastilha-0.



16 comentários

  1. Bom dia, Carla :)
    Esta é um dica preciosa. Pior que no cabelo, é ficar com a pastilha elástica nas pestanas, como já me aconteceu em miúda. Uma brincadeira parva resultou num olho com pestanas e outro sem um único pelo na pálpebra superior. E a vergonha de sair à rua?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nas pestanas...!
      Talvez se pudesse amaciar a confusão com esta técnica e não fosse preciso cortar. Imagino o golpe no ego :(
      Beijinho

      Eliminar
  2. Obrigada Carla, muito bom!
    Com o Tomás ainda não passei por nada disso, mas agora con a vinda da Mia, nunca se sabe ;)

    ResponderEliminar
  3. Sei que gelo também remove chiclete, mas de tecido...
    Já sentei em um chiclete num banco de praça e removi da calça passando, pacientemente, gelo...
    não sei se funcionaria com o cabelo também, mas se já deu jeito, melhor então!!!
    Fica a dica pro tecido, todavia, já que o óleo mancharia!!!
    :)
    Beijo brasileiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os tecidos podem colocar-se directamente no congelador e depois raspa-se a pastilha com cuidado. É sempre uma chatice, e aposto que quase toda a gente tem um episódio com uma chiclete :)
      Beijinho

      Eliminar
  4. Carlinha, o seu blog devia conter uma rubrica do tipo " Ideias com Manha"!!!!! Ainda bem que divulga, pois também eu já me fartei de "suar" para tirar uma pastilha do cabelo da minha filha!!! Um xi-coração para si e para a filhota!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma mãe tem o seu arsenal de manhas para resolver as situações (por vezes caricatas) com que se depara.
      Se cada uma divulgar os seus truques, saberemos sempre o que fazer quando for necessário, ou quando a situação for mesmo manhosa :)
      Beijinho

      Eliminar
  5. Boa partilha ,pois aqui a marota tem cabelo comprido e adora pastilhas elásticas ;)
    Fiquei com a dica
    bj
    Lulu

    ResponderEliminar
  6. Ahh! Que maravilha. Também me lembro do que me aconteceu, e tive o mesmo destino que tu. Um beijinho.

    ResponderEliminar
  7. Adoro este blog mas raramente comento - ele é uma inspiração e os meus parabéns por isso :) Sei que este assunto não tem nada a ver com este post mas precisava de umas luzes pois não percebo nada de pinturas: tenho uma estante pequena preta do IKEA (http://www.ikea.com/pt/pt/catalog/products/60135299/) mas agora estava a pensar pintá-la de branco! Será possível pintá-la visto que isto deve ser lacado? Podia dar-me algum conselho de tintas, lizas, verniz, etc ou então indicar-me algum post antigo onde já tenha falado deste assunto? Agradeço a sua ajuda pois sei que os seus trabalhos de pintura ficam sempre excelentes :) Obrigada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos os materiais precisam de um bom suporte de pintura, caso contrário nenhuma tinta vai aderir a médio (ou mesmo a curto) prazo.
      Materiais como os laminados do Ikea, que são á base de plástico, precisam de um promotor de aderência, um primário apropriado que prepare a superfície de forma a poder receber tinta. Eu sugiro pedir conselho na sua loja habitual: os funcionários do departamento de tintas (como na Leroy Merlin) estão bem preparados para lhe aconselhar o melhor produto.

      Mas atenção que é um tipo de trabalho sensível ao manuseamento continuado, riscos, etc. Pondere bem se lhe compensa gastar o valor das tintas e primários.

      Fiz um post geral há pouco tempo que lhe pode indicar os passos a seguir: "Tabuleiro reciclado".

      Eliminar
  8. Que legal, ainda bem que consegui tirar. Nota 10!!!
    Estou com novo endereço no blog no Wordpress, agora é Studio Art & Casa, passa lá para conferir. Está acontecendo um sorteio bem legal de um dos meus quadros, no link:
    http://studioartecasa.com.br/2013/09/20/quer-ganhar-um-quadro/

    Bjos, Mari.

    ResponderEliminar
  9. Ora problema resolvido :D
    E fica a dica nunca se sabe!

    ResponderEliminar
  10. Ola boa tarde , mais uma dica para as pastilhas elasticas k tanto teimam em colar em sitios estranhos , experimentem coca-cola ou alguma bebida com gaz (faz milagres nos cabelos ,nao doi ; e nem fazem ideia nos tapetes ) beijinhos e continua sempre ,sou fã

    ResponderEliminar

© Hello You . All rights reserved.
Blogger templates by pipdig