sexta-feira, 4 de março de 2011

Mistério no Terrário

No espaço de apenas dois dias, tenho a germinar no terrário, uma planta misteriosa.
A terra e as plantas que eu usei, vieram do nosso quintal. Coloquei tudo com muito cuidado, pois os rebentos eram muito jovens e frágeis. A terra também foi colocada com uma pequena colher, de modo que seja possível que alguma semente tenha apanhado boleia e estivesse agora a germinar dentro do frasco. Acontece, que pelo ritmo e pelo tamanho, aquilo mais parece um bolbo... Como é possível eu não ter visto?
E agora? O rebento está quase a chegar á tampa! Tenho pena, mas acho que vou ter de o transplantar para um vaso.
Em todo o caso, o resto das plantinhas parece estar a dar-se bem no ambiente fechado do terrário. Adicionei dois pequenos rebentos de malmequer, e pensava que o motivo de interesse fosse surgir quando (se) estes dessem pequenas flores. Agora tenho ali um apressadinho que me dá mais vontade de rir do que outra coisa...

Clicar na imagem para ampliar


Olha que esta...

8 comentários

  1. Olá Carla,

    Por vezes a terra já vem com sementes ou raízes de outras plantas, será esse o caso?

    Beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  2. He he... tá espectacular!
    Acabaste de entrar no filme: "as surpresas da natureza através de um terrário" :)
    Esse teu rebento anda a ser solidário com o cacto crescidote da Luarte :)
    Pois, se fosse eu aguentava até ele estar a 1cm da tampa e depois transplantava-o para ele não perder a vida. Visto que ele está habituado ao clima do terrário, agarrava num garrafão (ver post "morangos na varanda" da Luarte) e protegia-o.
    Beijoca grande.

    ResponderEliminar
  3. Será que é o famoso Pé de Feijão? A crescer a esse ritmo, é o que parece...

    Bjs,
    MJ

    ResponderEliminar
  4. Está a ficar muito bonito o teu terrário.:)

    Esse intruso está a crescer muito rápido certamente vai sair fora do frasco...

    Também tenho um vasinho de suculentas mas está pequenino e de vez em quando uma folha seca, não está tão bonito como o teu que tens em cima da mesa da cozinha.
    Aguardo o desenrolar do teu terrário.

    Bom fim-de-semana e bom Carnaval!

    Beijinhos da Formiguinha

    *Desculpa a ausência):

    ResponderEliminar
  5. Fartei-me de rir que engraçado isto ainda está só no prencipio.....beijinhos.Aterra e mesmo criadora,lol vai dando noticias.

    ResponderEliminar
  6. Está muito giro..tb quero fazer um, ainda não encontrei o vidro com tampa :)
    Bj e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  7. Gosto mt do teu blog e tomei a liberdade para ser seguidora! Parece que ter um terrário pode trazer umas surpresas fantásticas,acho que vou experimentar fazer um... Podes dar algumas dicas para começar?

    Beijinho

    ResponderEliminar
  8. Olá Tânia, bem vinda!
    Pois é, este mistério do terrário foi uma surpresa para mim, mas estou a gostar muito desta ideia.
    Olha, aquilo que eu sei sobre terrários é o que eu escrevi no post «O nosso Terrário«, em Fevereiro. Se tiveres mais alguma dúvida, estás á vontade para perguntar. Terei o maior prazer em te ajudar ;)
    É tão giro ver a evolução dos terrários. Depois quero ver como ficou, ok?

    Beijinho

    ResponderEliminar

© Hello You . All rights reserved.
Blogger templates by pipdig