segunda-feira, 6 de junho de 2011

A Sopa de Pedra


Fomos fazer um passeio até Almeirim: a capital da sopa de pedra.

O restaurante onde fomos, é o mais conhecido da região, o Toucinho de Almeirim. 
A sopa de pedra estava uma verdadeira delícia (a receita cedida por este restaurante está aqui), e acompanhámos com uns pães que eu não conhecia: caralhotas. São cozidos em forno de lenha, e têm um aspecto verdadeiramente rústico.


Desde pequena que conheço a história do frade (mas também há quem diga que era um viajante), que estando cheio de fome, bateu á porta de um casal de lavradores. Estes eram muito avarentos e disseram logo que não lhe dariam nada.


Então só me resta fazer uma sopa de pedra... diz o frade cabisbaixo.
Ao ouvir isto, o lavrador ficou curioso: Sempre quero ver isso.
O frade disse que se lhe arranjassem uma panelinha e o deixassem usar as brasas, que ele faria a sopa.
A mulher arranjou-lhe a panela e viu-o colocar lá dentro a pedra com água. E é só assim, mais nada? Pergunta ela.
Com um bocadinho de banha é que ficava bom... dizia o frade. E ela lá lhe arranjou um bocadinho de banha.
Com uns olhinhos de couve, ficava que até os anjos comeriam... E os lavradores lá lhe iam arranjando os ingredientes: feijão, batata, chouriços... Aquilo cheirava que era um primor.

O frade sentou-se a comer muito regalado. Os lavradores avarentos olhavam com atenção, enquanto ele chegava ao fim da panela, onde sobrava apenas a pedra.
Ó senhor frade, então e a pedra? Perguntaram eles.
A pedra lavo-a, e levo-a comigo para outra vez!


E foi assim, que o frade esfomeado comeu uma bela refeição ás custas de quem não lhe queria dar nada.


E aqui está a pedra. Lavei-a, e trouxe-a comigo para outra vez.

14 comentários

  1. Eu adoro sopa da pedra. Oh sopa portentosa e saborosa. É divinal!

    ResponderEliminar
  2. Bom dia Carla!

    Eu já conhecia a história, somos de Vila Real e portanto tudo isso nos é muito familiar.
    As caralhotas são muito boas, quentinhas então, hummm...

    Beijinhos e boa semana.

    ResponderEliminar
  3. Hummm, então andaste aqui por perto!
    É verdade em Almeirim come-se as melhores sopas da Pedra, eu já lá fui com um casal amigo que nos levou a conhecer o melhor restaurante, e o engraçado é que a cozinha fica mesmo de frente para nós. Conseguimos visualizar toda a confecção naqueles panelões enormes!
    É uma delicia ;p))

    ResponderEliminar
  4. Adoro Sopa da Pedra. Esse restaurante é aquele que tem um bar à parte para as pessoas bebericarem um vinhito e comerem um presunto enquanto esperam pela vez (noutra rua)? Acho que foi aí que também provei carne de vitela brava :) Qualquer diz estou numa ribatejana nata :)) Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Ainda não provei!

    qualquer dia.... :)

    ResponderEliminar
  6. Espero que tenhas gostado da sopa!
    Uma vez tambem comi uma em almeirim e nao era muito boa!
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  7. Que legal. Sempre ouvi falar da expressão sopa de pedras mas não sabia da história. Adorei
    Um abraço e boa semana
    Daca

    ResponderEliminar
  8. Fizeram bem...
    Adoro ir a Almeirim comer essa maravilha :) não conhecia a história, gostei muito!

    ResponderEliminar
  9. Nunca comi mas ainda hei-de provar.

    Adoro sopas, só não aprecio muito canja, e essa sustenta bem.:)

    Boa semana!
    Beijinhos da Formiguinha

    ResponderEliminar
  10. Estive nesse restaurante o ano passado justamente a comer sopa de pedra... uma verdadeira delícia.

    Mas agora deixaste-me traumatizada: nunca pensei que os pãezinhos tivessem esse nome tão sugestivo.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. luarte, é saborosa e enche bem a barriga! Nós ainda comemos segundo prato, mas eu vi lá pessoas que iam só pela sopa e pelo pão.

    Patrícia, as caralhotas eram bem boas :)

    Dama das Camélias, no restaurante onde fomos, ainda havia uma outra sala, não sei se fomos ao mesmo mas o Toucinho de Almeirim é o mais concorrido (até aparece em destaque no site da junta de freguesia de Almeirim).

    Sarokas, óptima!

    libelinha, acho que é esse mesmo, havia pessoas a entrar por outra rua :)

    Gaspas, podes experimentar a receita em casa ;)

    Sofz, quando fores a Almeirim, experimenta este restaurante ;)

    Daca, que bom, já ensinei alguma coisa hoje! :)

    Velud'arte, também não conhecias a história? Sacrilégio! :)

    Formiguinha, esta sustenta bem, garanto-te!

    Mafalda, achei engraçado vir aquele nome dos pães na ementa :)

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  12. Conhecia essa historia mas é sempre bom recordar.

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  13. Também já estive em Almeirim. Não comi sopa da Pedra na altura, mas a ver se vou lá noutro dia e experimento!

    ResponderEliminar

© Hello You . All rights reserved.
Blogger templates by pipdig