sexta-feira, 18 de maio de 2012

Jardim Vertical de Plantas Suculentas :: Framed Vertical Succulent Garden



Como é que podemos ficar inspiradas por pequenas coisas que aparentemente não levam a nenhuma ideia?

O meu marido andava a limpar um orifício de respiração exterior da casa, e chamou-me para me dizer alguma coisa: Olha só o que é que eu tirei de lá de dentro!

Era uma espécie de turfa, que os passarinhos andavam a trazer para fazer lá ninho de vez em quando*. Olhei para aquilo e acendeu-se logo uma luzinha! Disse ao meu marido que ele podia não acreditar, mas eu tinha visto um projecto no dia anterior, e aquele material seria o ideal para o concretizar: um jardim vertical para suculentas.

Fui procurar uma moldura sem uso que desse para o que eu queria fazer. Apenas o aro foi usado.
As ripas e o painel de aglomerado são restos de outros projectos. A rede fui comprar ao Maxmat por 0.99€ (1 metro). As tintas e primários usados também já tínhamos na garagem.


É possível fazer uma estrutura grande e bastante decorativa, mas para os iniciados, o ideal será começar por uma moldura mais pequena e com menos plantas.

As ripas serviram para fazer um aro da medida da moldura. É isto que vai permitir dar profundidade para colocar a turfa para as plantas. Quando ficar pronto, vai ser como uma espécie de caixa.
Aplicámos duas camadas de rede (para maior resistência e aberturas menores), e fixámo-las com agrafos.


O maior desafio deste projecto, é evitar que a humidade danifique o suporte. Para isso, usámos uma espécie de tinta aborrachada que comprámos certa vez para impermeabilizar o terraço.
Foi aplicada á trincha, apenas nas zonas interiores da caixa e num dos lados do painel traseiro.



A moldura teve de ser muito bem lixada para retirar toda a tinta preta.
Como acabamento, eu idealizava um aspecto mais rústico, então utilizei o primário e a tinta decorativa da gama les Décoratives.




Depois de tudo devidamente protegido, é altura de montar toda a estrutura excepto o painel traseiro.

A primeira camada a colocar é a da turfa. Em seguida colocámos composto para orquídeas, mas só porque tinha cá em casa; pode-se saltar este passo e cobrir o restante com a terra escolhida.

A terra deve ficar bem comprimida para oferecer melhor suporte ás plantas.

Depois, fixa-se o painel traseiro, coloca-se um ganchinho para pendurar e vira-se ao contrário.



Temos vários tipos de plantas suculentas cá em casa. 
Cortei as que achei necessárias para o projecto e adquiri somente uma espécie nova, para dar um aspecto mais variado.




 Cortei o pé de cada planta na medida certa e rejeitei as folhas a mais.



Com a ajuda de um pauzinho fino, abri caminho para introduzir cada pé. É uma operação que requer cuidado e gentileza, porque são plantas algo frágeis ao toque.


No final, borrifei o composto com água, mas só o suficiente para humedecer.



As plantas vão levar algumas semanas a fixarem raizes. Deve manter-se a estrutura na horizontal até que as plantas estejam bem firmes no seu novo lar.




Esta peça de decoração viva vai alterar-se com o tempo. As plantas irão crescer, cada uma ao seu ritmo, e irão ocupar os pequenos espaço não preenchidos. É preferível não sobrelotar tudo de início.

Confesso que foi uma das coisas que mais prazer me deu a realizar, e fiquei imensamente satisfeita com o resultado final.

Se for deixada ao sol, como eu pretendo fazer, as plantas ganham mais colorido. Só não pode ficar exposta á chuva, para se controlar o nível de humidade, que deverá ser sempre baixo. Estas plantas resistem bem a solo seco, mas se pelo contrário, o solo estiver demasiado saturado de água, facilmente apodrecerão.

Ficou inspirado para este projecto de Verão?



*Nota: Nenhum passarinho foi privado do seu ninho durante o processo de limpeza. 


36 comentários

  1. Olá Carla,

    Que ideia fantástica.

    E o Resultado MARAVILHOSO!!!

    Bjs e bom fds,
    MJ

    ResponderEliminar
  2. Adorei Carla, lindo mesmo! Será que a terra não caí sem o substrato para as orquídeas? Isto é mesmo bom para mim, porque os vasos com os gatos, andam sempre nas ruas da amargura:)

    Adorei o teu bolo de chocolate, fiz no aniversário do meu filho!

    Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Logo abaixo da rede, aquela turfa que se vê é a dos passarinhos :)
      É essa 1ª camada que deverá ser densa o suficiente para proteger o substrato. Nós utilizámos 3 camadas: a turfa dos passarinhos, o composto das orquídeas no meio e por fim terra vulgar de interior/exterior. Nos projectos que vi, apenas levavam duas camadas.

      Por isso é que é melhor começar por uma caixa mais pequena, para perceber a evolução e ajustes a fazer.

      Bom fim de semana!

      Eliminar
  3. Ai menina...sinceramente não sei que te diga mais!
    Tu consegues cabelo em ovo (ou como quem diz, vês potencial nas coisas que aparentemente não servem para nada).
    Devias ser convidada para apresentar um programa de bricolage. Não temos disso em Portugal.
    Está muito, muito bonito e original. Nunca tinha visto tal coisa.
    Depois vai mostrando com elas reagem passado um tempo.
    Beijokas e parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não conhecia essa expressão! O meu marido deve achar o mesmo, nunca ele pensou que ia utilizar toda aquela turfa dos passarinhos hehe!

      Beijinho

      Eliminar
    2. Queria dizer: Tu consegues ver cabelo em ovo (é uma expressão brasileira...de alguma coisa serviu ver novelas brasileiras na minha adolescência :P). Segundo eles, significa "Achar (procurar) pêlo em ovo = buscar coisas impossíveis"

      Eliminar
  4. Adorei a ideia!
    Fica bem :)

    ResponderEliminar
  5. Uau genial que boa ideia, ficou lindo o teu quadro!
    Bj e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Sim, muito!!! Só tu para teres estas ideias fantásticas.

    Cada vez que cá venho fico sempre mais feliz :)

    Bjs grandes,
    Anabela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, muito simpático da tua parte!

      Beijinho

      Eliminar
  7. Adorei o projecto. Tinha a certeza de que não ias desapontar :)

    Um abraço

    ResponderEliminar
  8. Fiquei deveras curiosa com este resultado final Carla. Há uns 2 meses comprei uma série de plantas destas para a minha sala pois é bastante quente no verão e nem todas as plantas se dão lá. No entanto, segui a vertente tradicional do vaso. Agora colocaste mais uma sementinha na minha prateleira de ideias :) Gostei muita daquelas de tom avermelhado, não conhecia... as minhas são todas verdes e tive bastante dificuldade em as encontrar por aqui. Parabéns por mais um projecto fantástico. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há tantas variedades... ufa!
      Eu gosto muito destas negras. Se ficarem á sombra ficam verdes.
      Beijinho

      Eliminar
  9. Fantático Carla, tu e as tuas ideias geniais!!
    Tens razão as suculentas vão preencher os espaços vazios crescem imenso.
    Ficou lindo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a contar com isso. Se correr tudo bem, terei de aparar conforme crescem ou substituí-las.

      Obrigada e beijinho

      Eliminar
  10. Ficou lindíssimo, Carla! Muito harmonioso. Vê-se que foi feito com muito carinho :). Adoro suculentas!
    Bjs e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  11. Uma ideia nuito original, sem dúvida. Um quadro vivo!

    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  12. Maria Joãomaio 18, 2012

    Carla

    Sempre a surpreender.... Projecto muito, muito original! e lindo

    beijinho grande.

    ResponderEliminar
  13. Olá Carla!
    Gostei muito, muito bem explicado.
    Resultado final: MARAVILHOSO!!!
    Vou tentar "copiar", posso?
    Bom fim de semana.
    Alice

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que podes, fico muito contente!
      Bom fim de semana.

      Eliminar
  14. Óptima ideia!
    Há muito que "engraço" com os jardins verticais que vejo nas revistas, na net... Já tinha pensado fazer um mas com uma daquelas sapateiras em plástico... sabes como são? As que se põem atrás da porta? Mas por uma razão ou outra fica sempre adiado. Mas a tua ideia ficou muito bonita e tem um toque mais decorativo.
    Beijinhos e continua...

    ResponderEliminar
  15. Amei!!! ficou lindo!!! voce tem ótimas ideias, parabéns.

    ResponderEliminar
  16. Ohhhh... Ficou mesmo bonitinho, só mesmo essas mãozinhas fariam uma coisa tão simples e linda. :-)

    ResponderEliminar
  17. Que lindo que ficou o teu jardim vertical de suculentas. Espero que dure e perdure :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também espero!
      Agora tenho-o ali na horizontal e a apanhar um solinho de vez em quando.

      Depois mostro pendurado. Beijinho.

      Eliminar
  18. Nossa que bela inspiração vc me deu! Adoroooo suculentas por serem faceis de cuidar.
    Amei
    Beijos e boas inspirações pra vc.
    Canela

    ResponderEliminar
  19. Que ideia tão gira! Gostei mesmo :)

    ResponderEliminar
  20. É o mini jardim mais lindo que já vi!
    Parabéns!

    beijos
    Zizi

    ResponderEliminar
  21. Olá!
    Encontrei este post / blog por andar à procura de ideias para aplicar suculentas! :D E vim dar aqui! Os meus sinceros parabéns não só por este post como também pelo blog em si!

    Tenho uma questão: que turfa é essa? Onde poderei comprar?

    Continuação de bons e deliciosos posts!

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela visita!
      A proveniência da turfa vem referida no início do texto: é o material que os passarinhos deixaram num orifício de respiração da nossa casa.

      Mas pode adquirir algo semelhante em viveiros, floristas ou floriculturas. A ideia é arranjar uma turfa (ou até um musgo) que não deixe que a terra repasse pela rede. Também pode utilizar uma outra rede mais fininha por baixo, e fazer um pequeno rasgo no local onde introduzir cada pé de cada planta.

      Espero ter ajudado! Beijinho

      Eliminar
    2. Obrigada pelo tão rápido feedback! Ajudou imenso... obrigada mesmo! Quando tiver a minha versão... partilharei com a Carla! ;)

      Aguardo mais posts! :D
      Abreijinhos.

      Eliminar
  22. Olá,
    Por acaso não esta interessada em me ceder um pouquinho das suas suculentas?? Estou tentando fazer um jardim de conserva e achei as suas lindas...

    Carla Pinto

    ResponderEliminar
  23. Olá,

    Achei o seu projecto simplesmente maravilhoso. Estou tentando fazer um mini jardim de conserva, pelo que vinha lhe perguntar se me cedia um pouquinho das suas suculentas que achei tão lindas. Basta uma hastezinha de cada. Desculpe o abuso, mas achei tão lindas... Obrigado,
    Carla Pinto

    ResponderEliminar
  24. Olá Carla.. não temos uma foto mais recente deste seu projecto?? gostava muito de ver como esão agora as suculentas... confesso que já estive para fazer algo identico.. mas .. fica para outro dia :-) um bjinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Cristina. Este jardim vertical dura alguns meses sem manutenção. Depois disso, há plantinhas que terão de ser substituídas porque o pé começa a ficar demasiado grande. A terra também convém ser adubada com frequência dada a pouca quantidade que é usada, e é boa ideia usar um borrifador para regar. É um artigo decorativo muito mimoso e decorativo, e se não estiver constantemente exposto à intempérie vai durar-lhe vários anos.
      Mãos à obra :)

      Eliminar

© Hello You . All rights reserved.
Blogger templates by pipdig